Assembleia de Deus - Congregação Cidade Ademar 2 Setor 08 - Ministério do Belém

Rua Doutor Márcio Martins Ferreira, 68
São Paulo, SP.
04405-060

contato@adademar2.com.br

Educação Cristã - parte 3 (ultima)

06/10/2013 09:12

Os parâmetros cristãos para a educação

Por isso, voltamos ao tema: a importância dos parâmetros cristãos para uma educação inserida em uma sociedade consumista. Essa necessidade está fundamentada na seguinte premissa: os parâmetros cristãos norteiam e conferem dignidade ao ser humano, pois restabelecem uma efetiva relação com Deus. 

Quando falamos sobre educação cristã, muitas pessoas tendem a pensar que estamos falando unicamente de educação religiosa ou ensino catequético. Educação cristã é isso, com certeza, mas não somente isso. Ela está vinculada a uma questão muito mais abrangente e universal: viver e transmitir a boa notícia (evangelho) dá um novo significado a toda vivência de uma pessoa a partir de Jesus, o Cristo.

Sem a centralidade na Palavra de Deus, a educação cristã não existe. Uma constatação muito simples e lógica, já que sem Cristo a educação pode existir, mas jamais será educação cristã.

Assim, entender a educação cristã nesta visão geral também muda o papel dos envolvidos no processo ensino-aprendizagem, principalmente os professores, que são vistos como exemplos vivos para seus alunos.

Nisso pode-se perceber o claro compromisso com a verdade do Evangelho, pois, em casa, os pais são os orientadores mais importantes na formação de uma pessoa, pois desde cedo ensinam seus filhos nos passos de uma educação integral e cristã. Isso é uma tarefa importante confiada por Deus a todas as pessoas que receberam a graça de terem filhos e, portanto, precisam ter responsabilidade na formação de seus filhos.

Mais tarde, continuando em sua responsabilidade paterna /materna, escolhem uma instituição onde entregam seus filhos aos cuidados de pessoas que continuam o processo ensino-aprendizado nos parâmetros da educação cristã. Algo que já foi visto em Lutero.

Na sociedade de consumo, o ponto de partida para os parâmetros traçados está calcado no interesse financeiro e na competição ególatra (idolatria do ego), que leva a uma desenfreada corrida sem volta e sem ganhadores. A promessa consumista é a euforia “aqui e agora” por meio do hedonismo, no qual a euforia toma o lugar da felicidade e, consequentemente, de uma depreciação da dignidade do ser humano. Um engodo do que é educação e do que é felicidade!

Portanto, a importância dos parâmetros cristãos para uma educação inserida em uma sociedade consumista está na sua base e no seu ponto de partida que é o amor de Deus por nós. Não há euforia nisso; antes, uma compreensão do que é a felicidade e a vida digna em todos os níveis.

 

Fonte:https://www.revistaescolar.com.br/edicoes/edicao-5/educacao-crista/