Assembleia de Deus - Congregação Cidade Ademar 2 Setor 08 - Ministério do Belém

Rua Doutor Márcio Martins Ferreira, 68
São Paulo, SP.
04405-060

contato@adademar2.com.br

"Não necessitam de médico os sãos, mas sim os enfermos; Eu não vim chamar justos, mas pecadores!"

04/04/2016 14:37

Marcos: 2. 15. Ora, estando Jesus à mesa em casa de Levi, estavam também ali reclinados com ele e seus discípulos muitos publicanos e pecadores; pois eram em grande número e o seguiam. 16. Vendo os escribas e fariseus que comia com os publicanos e pecadores, perguntavam aos discípulos: Por que é que ele come com os publicanos e pecadores? 17. Jesus, porém, ouvindo isso, disse-lhes: Não necessitam de médico os sãos, mas sim os enfermos; eu não vim chamar justos, mas pecadores.

Hoje estava pensando nas situações que ouvimos ou muitas vezes acompanhamos, pessoas desmotivadas de buscarem a Deus. Na grande maioria das vezes são situações externas os fatores desmotivadores, como no texto acima. Jesus chega para estar com publicanos pessoas altamente rejeitadas pela sociedade da época, que os tinham com ladrões e traidores. Logo quem estivesse em contato com esses, receberia igual desprezo.
Os discípulos foram questionados:"Por que seu mestre come com pecadores?".

Isso é "compreensível". Alguém querendo privar outra pessoa da aproximação de Cristo, e imediatamente Jesus se apresenta como a esperança para o desesperançoso, o médico para o doente . Até aqui sem novidades, infelizmente essa cena é reprisada em muitas vidas, porém meditando nesse texto pensei em outra privação, corriqueira de igual forma, e também fatal. Quando eu me privo de buscar ao Senhor por acusações que vêem de mim mesmo. Quantas vezes eu me apresento como pecador (e realmente sou) a ponto de afastar-me do Único que necessito estar perto.

Nossa natureza sempre nos implora para realizarmos suas vontades, e quando isso acontece ela nos acusa de sermos pessoas sem condições de estar com Cristo, o pior é que somos convencidos que não podemos receber Jesus. Esse texto não é, nem uma recomendação para continuarmos longe de Jesus mas é um alento a todos que se sentem sem condições de receber Jesus em suas vidas, problemas e situações.
Não deixe que essa voz no seu interior ecoar mais alto do que a declaração de Jesus:
"Os doentes é quem precisam de médicos e não os são!"
Não se privem, Jesus conhece sua natureza e suas condições, aproxime-se Dele sem medo, sem reservas, sem máscaras e deixe Ele tratar as tuas feridas, traumas e enfermidades. Ele te conhece, Ele te fez, Ele te aguarda!!!!