Assembleia de Deus - Congregação Cidade Ademar 2 Setor 08 - Ministério do Belém

Rua Doutor Márcio Martins Ferreira, 68
São Paulo, SP.
04405-060

contato@adademar2.com.br

O Padrão da Sabedoria

26/09/2013 12:12

Meditação: Pois em ti, SENHOR, espero; pois tu me atenderás, Senhor meu Deus. (Salmo 38:15)

 

Pensamento: A sabedoria de Deus é dada àqueles que humildemente lhe pedem.

 

Leitura: Salmo 38:1-15.

 

Mensagem:

O Padrão da Sabedoria

 

            Albert Einstein disse: “Apenas duas coisas são infinitas, o universo e a estupidez humana, e eu não tenho certeza sobre o criador”. Infelizmente, parece que muito frequentemente não há limites para a tolice na qual nos envolvemos – ou os danos que criamos com as nossas tolices e as escolhas que elas promovem.

            Foi numa fase assim de arrependimento que Davi derramou a sua luta e queixas a Deus no Salmo 38. Ao se deparar com os seus próprios fracassos, o rei-pastor fez um comentário perspicaz: “Tornam-se infectas e purulentas as minhas chagas, por causa da minha loucura” (Salmo 38:5). Ainda que o salmista não nos dê os detalhes daquelas escolhas ou da piora de suas feridas, algo é certo: Davi reconheceu sua própria loucura e a sua causa.

            A resposta para esta tolice destrutiva é aceitar a sabedoria de Deus. O livro de Provérbios 9:10 nos lembra: “O temor do SENHOR é o princípio da sabedoria, e o conhecimento do Santo é prudência”. Apenas se permitirmos Deus nos transformar, poderemos superar as decisões tolas que geram tantos problemas. Com a Sua orientação amorosa, podemos seguir o padrão da sabedoria divina.

 

FONTE:

William E. Crowder